Saiba quais são os principais serviços de Radioproteção prestados por empresas terceirizadas

Cuidar da Radioproteção em plataformas Offshore é uma tarefa que tanto pode ser feita pela própria empresa responsável por ela quanto por uma empresa terceirizada. Apesar desta segunda opção parecer um gasto desnecessário no início, no futuro pode evitar que dores de cabeça sejam geradas.

Mas você sabe quais são os principais serviços relacionados a Radioproteção no Offshore? Confira o nosso post e conheça mais sobre eles!

Gestão de NORM/TENORM

Na extração de petróleo, devido a sua natureza mineral, muitos elementos radioativos de ocorrência natural (NORM) são encontrados nos poços. O NORM/TENORM fica acumulado nos sistemas e vasos das instalações Offshore, formando incrustações e trazendo os riscos inerentes à exposição e contaminação por material radioativo.

A Gestão de NORM/TENORM contempla:

  • a avaliação do acúmulo e determinação precisa do impacto sobre os trabalhadores expostos;
  • a comparação dos níveis de radiação encontrados com os limites estabelecidos pela CNEN;
  • a definição da melhor estratégia para redução dos níveis de radiação e controle da exposição de cada trabalhador;
  • equipamentos de ponta e profissionais altamente qualificados para a operação.

Descontaminação Completa

Nas plataformas Offshore que utilizam materiais radioativos ou processam matérias primas contendo NORM/TENORM, é esperado que haja algum tipo de contaminação em equipamentos, ferramentas e até mesmo em áreas da planta industrial. Para garantir a proteção de todos os trabalhadores e a segurança de toda a área é necessário proceder com sua Descontaminação Completa.

O Serviço de descontaminação completa realiza:

  • a segregação de material contaminado conforme sua natureza e forma física;
  • a separação de isótopos contaminantes do material;
  • os rejeitos radioativos são devidamente embalados e guardados em local seguro até sua deposição para a CNEN.

Gestão em Radioproteção

Não basta ter autorização para operar em águas nacionais. Em uma instalação onde são utilizadas fontes radioativas ou haja acúmulo de NORM e TENORM, é fundamental ter um Serviço de Radioproteção capaz de desempenhar as principais operações exigidas pela atividade:

  • supervisão de Radioproteção;
  • levantamento radiométrico;
  • Wipe Test;
  • Plano de Radioproteção;
  • Plano de Contingência;
  • Compliance Regulatório;
  • gestão de dosimetria.

Licenciamento

Toda plataforma Offshore que opera com fontes radioativas precisa manter sua documentação devidamente em dia. O licenciamento ou a renovação da Licença de Operação são etapas fundamentais para a autorização ou manutenção das atividades.

Não é tarefa fácil saber exatamente quais documentos manter atualizados, quais enviar, quem são os responsáveis pelo recebimento e análise do pedido de renovação, além de cuidar de perto de processos envolvendo fontes radioativas. O serviço terceirizado de Licenciamento acompanha todos os procedimentos que compõem a emissão ou revalidação de licenças de operação:

  • elaboração do Projeto de Licenciamento e Descomissionamento de Planta;
  • obtenção e Renovação da Licença de Operação junto a CNEN;
  • envio e acompanhamento da tramitação do processo;
  • documentação constantemente atualizada.

Transporte e Descarte de Fontes e Rejeitos Radioativos

Toda plataforma Offshore precisa movimentar suas fontes radioativas, seja na aquisição, no descarte ou até mesmo entre empresas do mesmo grupo. Esta atividade requer uma equipe altamente especializada e que cumpra os mais rigorosos aspectos de segurança e controle.

Rejeito Radioativo é todo e qualquer material ou objeto que contenha elementos radioativos acima dos limites de dispensa estabelecidos pela CNEN e para os quais não haja uso prático ou aproveitamento econômico e comercialmente viável.

Estão incluídos nesta definição os equipamentos nucleares fora de uso ou que estejam danificados irreversivelmente. Toda responsabilidade em tratar, segregar e acondicionar os rejeitos radioativos é da própria instalação que os produziu.

O serviço de transporte e descarte de fontes radioativas realiza:

  • a segregação do rejeito;
  • a imobilização dele;
  • o acondicionamento deste rejeito;
  • a rotulagem da embalagem;
  • o transporte correto;
  • o descarte;
  • a documentação registrando todo o processo.

Auditoria Externa

Auditoria em Radioproteção é um processo administrativo que tem como principal objetivo identificar possíveis falhas relativas a procedimentos, proteção e segurança radiológicas em uma instalação. Tudo de acordo com o que está previsto tanto pelo órgão regulador como pelo Plano de Radioproteção.

  • a auditoria precisa ser  realizada por especialistas certificados pela CNEN;
  • é realizada uma avaliação técnica rigorosa e atualizada com as mais modernas regras de Radioproteção;
  • o relatório completo sobre cada item avaliado também é feito;
  • além disso, existe uma orientação para sanar problemas e estabelecer melhorias.

Cursos e Treinamentos

Os treinamentos em Radioproteção são obrigatórios para todos os profissionais que se iniciam nas atividades envolvendo radiações ionizantes, sendo pré-requisito fundamental para que se tornam IOEs (Indivíduos Ocupacionalmente Expostos).

Esse tipo de serviço contempla:

  • o treinamento de Formação e Reciclagem em Radioproteção;
  • a formação para IOEs (Básico e Avançado);
  • curso de Radioproteção NORM/TENORM;
  • curso de Radioproteção Offshore;
  • curso Simulado de Emergências.

Descomissionamento de FPSO

Quando há incrustação num FPSO, ocorre desde os Headers até os Drop Lines, passando por toda a planta de produção. Para garantir a segurança pessoal, patrimonial e ambiental durante o processo de descomissionamento, é preciso quantificar este material NORM para elaboração de um laudo que será apresentado ao afretador e aos demais órgãos ambientais, além de proceder de forma segura com a remoção de todo este material.

Esse serviço serve para:

  • a elaboração de Plano de Descontaminação NORM;
  • a monitoração NORM na planta Offshore, com emissão de laudo;
  • a supervisão do processo de remoção NORM;
  • a segregação de todo rejeito e destinação.

Depósito de Rejeitos Radioativos

Descartar rejeitos radioativos com segurança e critério é a maior responsabilidade de qualquer empresa que os tenha gerado. Mas é importante também oferecer um local específico para destinação de rejeitos NORM/TENORM, em conformidade com os órgãos reguladores e seguindo as mais criteriosas condições de segurança.

Hoje em dia, apenas a Lince é a empresa credenciada para dar destinação final a rejeitos radioativos no nosso país. Inclusive você pode saber mais sobre o processo neste nosso eBook gratuito. É só clicar na imagem abaixo!

Limpeza de Partes e Peças Offshore

Todos os ativos Offshore, ao longo de sua vida útil, precisam passar por limpezas preventivas, de rotina e até mesmo emergenciais, como forma de garantir o funcionamento correto da planta de produção.

A empresa que realizar este serviço deve oferecer uma equipe especializada em limpeza industrial, que utiliza técnicas e equipamentos ideais para garantir que nenhuma área do ativo Offshore ou peça da planta se desgaste prematuramente (corrosão) ou sofra ou incrustações.

O que este serviço contempla?

  • hidrojateamento de alta e ultra alta pressão;
  • mão de obra especializada para remoção de borras e incrustações;
  • desmontagem e corte para descarte de partes e peças;
  • tambores e contêineres para transporte e descarte de materiais.

Armazenamento de Rejeitos NORM/TENORM

Todos os FPSOs tendem a acumular borras e incrustações na planta de produção (linhas, vasos e tanques). Este material tem potencial para causar sérios danos à saúde dos trabalhadores e ao meio ambiente.

Rotineiramente deve ser feita a remoção de borras e incrustações na planta de produção de óleo offshore, assim como seu entamboramento e descarte apropriado. A empresa precisa disponibilizar toda a mão de obra e logística necessárias para eliminar este risco do seu ativo, incluindo:

  • um local aprovado pela CNEN para armazenamento de rejeitos contendo TENORM.
  • mão de obra especializada para remover, segregar, embalar, rotular e transportar seu rejeito.
  • insumos e logística necessários para garantir o cumprimento de todas as exigências legais.

Inspeção Regulatória para Eliminação de Não Conformidades

É comum que FPSOs acumulem rejeitos radioativos, em especial borras e incrustações contendo TENORM. Este material permanece armazenado a bordo aguardando destinação final, colocando em risco permanente os trabalhadores e o meio ambiente, além de deixar a unidade passível de ser interditada e multada pelos órgãos reguladores caso alguma das inúmeras Normas sejam descumpridas.

É imprescindível ter um parecer especializado para FPSOs, que aponte e sugira correções e ações necessárias para regularização de todas as não conformidades. E este serviço precisa garantir:

  • o cumprimento integral da legislação vigente.
  • a criação e implementação de planos para gerenciamento de risco radioativo.
  • a adequação de todos os procedimentos existentes que envolvam risco radiológico.
  • a eliminação imediata de todas as não conformidades que possam gerar interdição ou multas.

Sua empresa está de acordo com a NR-37?

O período de adaptação para esta norma terminou em  dezembro de 2019 e é ela quem rege as atividades no Offshore e estabelece requisitos que devem ser seguidos à risca por todos. É fundamental que a empresa terceirizada se antecipe com relação a tudo o que é necessário para estar de acordo com a NR-37 para não entrar em uma Não Conformidade. Caso isso não ocorra, a empresa não poderá realizar os seus serviços.

É importante destacar que há negligência com a Radioproteção nos ativos Offshore, o que pode gerar riscos envolvendo a radiação ionizante. Esse tipo de radiação acarreta diversos efeitos biológicos aos indivíduos expostos a ela. Por isso, a melhor forma de evitar os efeitos da radiação ionizante no ambiente de trabalho é através de um Serviço de Radioproteção bem preparado.

As leis estão aí para serem seguidas à risca. Assim, você evita que acidentes possam ocorrer, o que acarretaria em prejuízos humanos, materiais e ao meio ambiente.

É preciso contratar empresas especializadas em Radioproteção, que estejam comprometidas a cuidar da proteção radiológica da sua empresa ou da empresa que você trabalha.

Não deixe de assinar a nossa newsletter e receber mais conteúdos sobre o assunto!