Serviços de Radioproteção Pontuais ou Gestão Completa?

Escolher se você vai realizar serviços de Radioproteção pontuais ou a gestão completa dela sempre é um dilema.

E estamos aqui para tentar te ajudar com isso!

É importante frisar que não existe escolha sempre certa ou errada. Existem as necessidades que você tem e quais escolhas são mais vantajosas para a sua empresa. Depende do tipo de aplicação, da quantidade de fontes, o perigo que a instalação dessas fontes pode trazer…
Todas essas situações vão possibilitar a você, Supervisor responsável, a escolha de fazer a gestão completa da radioproteção ou serviços pontuais.

E quando a empresa deve começar a pensar nesses tipos de serviços de Radioproteção?

A escolha do serviço de radioproteção a ser prestado depende diretamente da necessidade do contratante
Vamos tomar como exemplo uma empresa que já possua um Supervisor de Radioproteção, mas é um profissional que tem diversas outras funções e atribuições no seu trabalho.
A Radioproteção normalmente acaba ficando de lado em momentos como esse. E é aí que os responsáveis resolvem fazer a contratação de serviços pontuais ou da gestão completa.
Geralmente são escolhidos os serviços pontuais, apesar de existirem exceções.
Como assim? Não é melhor contratar logo a gestão completa da Radioproteção e se livrar de dores de cabeça no futuro?

Não necessariamente!

Existem diversos motivos para que a contratação de serviços de Radioproteção pontuais seja escolhida ao invés da gestão completa.
Por exemplo, o Supervisor de Radioproteção pode ter receio de perder o seu cargo por motivos financeiros, já que ele está ganhando 30% a mais do seu salário por conta da taxa de periculosidade exigida.
E sua empresa pode também ter receio de ter outra terceirizada dentro dela cuidando de tudo. Ou também essa empresa contratante pode ter passado por uma experiência ruim de gestão completa.
Outro motivo para a contratação de serviços de Radioproteção pontuais pode ser por conta de ordens expressas da direção da empresa, seja, como exemplificado acima, por uma experiência passada que não foi boa, ou quando existem aplicações que não precisam da necessidade de tantas observações.
Existem também empresas que contratam apenas Supervisores de Radioproteção terceirizados para cuidar da Radioproteção. Pode ser uma opção, mas muitas vezes o Supervisor terceirizado pode não ter verba para, se precisar, resolver alguma pendência legal – ou pior ainda, não ter o envolvimento necessário que esta atividade requer. Uma empresa de grande porte, no entanto, poderia contar com uma verba necessária para esses gastos.
Porém, como já foi dito, essa questão de gestão completa da Radioproteção ou serviços pontuais vai sempre girar em torno da necessidade do cliente.
Se houver a identificação de que a gestão de Radioproteção completa pode gerar tantos benefícios a ponto de tirar toda a responsabilidade e preocupação de cima do Supervisor de Radioproteção, ele não vai pensar duas vezes em contratar a gestão completa, desde que tenha verba e aval da empresa para isso. Desta forma a responsabilidade pelo risco é compartilhada!

É importante você verificar as suas necessidades e as da sua empresa!

No final das contas, o mais importante não é escolher se vai realizar serviços pontuais ou a gestão completa.

O que importa é que você não pode deixar a Radioproteção de lado. Você precisa cuidar dela!


A radiação – e em especial a radiação ionizante – acarretam diversos efeitos biológicos aos indivíduos expostos a ela de acordo com a dose e a forma de resposta. Por isso, a melhor forma de evitar os efeitos estocásticos e determinísticos da radiação ionizante no ambiente de trabalho é através de um Serviço de Radioproteção bem preparado.
Se na sua equipe tem ou se você mesmo é um IOE (Indivíduo Ocupacionalmente Exposto), estabelecer um Plano de Radioproteção detalhado e eficiente, considera-se de extrema necessidade. Quando você trabalha em uma indústria que utiliza fontes radioativas em seus processos é necessário que todos os profissionais expostos à radiação tenham a proteção adequada de acordo com as normas da CNEN, órgão responsável pela regulação e fiscalização de tudo que envolve radiação nuclear no país.
Caso sua empresa ache muito dispendioso implementar um Serviço de Radioproteção, também é possível contratar empresas especializadas para cuidar da proteção radiológica.
Para você que deseja ser um especialista no assunto, preparamos um material completo com tudo o que você precisa saber sobre Radioproteção.
E não se esqueça de se cadastrar na nossa newsletter e seja um especialista no assunto!

FONTES:

  • Mais de 10 anos de experiência em Segurança do Trabalho junto às maiores indústrias do Brasil
  • Mais de 3 mil horas executando serviços de Radioproteção
  • Mais de 200 clientes atendidos em todo país