Você sabe o que é radiação?

Atualizado em 09/02/2012

O que é radiação?

Radiação é a energia na forma de propagação de ondas eletromagnéticas ou partículas. Se você trabalha no offshore, na radiologia médica ou, especificamente, na segurança do trabalho, é muito importante saber sobre os riscos e cuidados ligados à radiação e à radioproteção.  

Descubra sobre o que é radiação. Boa leitura!

Mitos e verdades sobre o conceito de Radiação

A radiação pode ser tanto um fenômeno natural, como também artificial. Por exemplo, o corpo humano está exposto à radiação natural todos os dias. Desde o solo e seus gases subterrâneos até a radiação cósmica do Sol e do espaço sideral. Assim como os procedimentos médicos, os televisores, os telefones celulares e os fornos de microondas, todos eles emitem algum tipo de radiação.

Mas atenção! A radiação não é necessariamente perigosa.

Isso porque tudo depende da sua intensidade, tipo e tempo de exposição. Tratam-se de características fundamentais para entender os riscos, mas também as potencialidades da radiação para o ser humano.

Entenda os principais conceitos 

O que é radiação? Ela é a energia que viaja sob a forma de partículas de alta velocidade (radiação de partículas) ou ondas (radiação eletromagnética).

A radiação de partículas ocorre quando um átomo instável (ou radioativo) se desintegra.

A radiação eletromagnética (EM), por outro lado, não tem massa e viaja pelas ondas. A radiação EM pode variar de energia muito baixa para energia muito alta, e chamamos esse espaço de espectro eletromagnético. Dentro do espectro EM, existem dois tipos de radiação: ionizantes e não ionizantes.

Os materiais radioativos e a sua decorrente radioatividade produzida existem no espaço sideral desde a origem do universo. Vários materiais radioativos fizeram parte da formação do planeta Terra e estão aqui até hoje. 

Começamos a usar alguns desses elementos radioativos a partir do séc. XIX e não paramos até hoje. Sempre aprendendo e desenvolvendo ainda mais as suas potencialidades, mas nunca esquecendo dos seus perigos e cuidados necessários.

O conhecimento acerca de radiação passa por uma abordagem de algumas noções fundamentais sobre ciência. Somente revisando alguns conceitos básicos seremos capazes de estabelecer uma conversa esclarecedora sobre os níveis, efeitos e riscos da exposição à radiação.

Qual a relação dos átomos com a radiação?

Os átomos têm diversas partículas em sua composição. É essencial saber como cada uma destas pequenas partes do átomo funcionam para entender de onde vem a radiação emitida a partir delas.

Por essa razão, vamos recordar cada elemento que compõe o átomo.

Ilustração Estrutura do Átomo

No séc. XX, os cientistas finalmente conseguiram identificar que os átomos não eram as menores partículas da matéria. Começaram então a estudar a estrutura destes profundamente.

Dessa forma, eles descobriram que os átomos são constituídos por um minúsculo núcleo carregado positivamente. O núcleo é cercado por uma nuvem de elétrons carregados negativamente.

Os átomos têm duas partes principais: o núcleo, com carga elétrica positiva; e a eletrosfera, com carga elétrica negativa.

O átomo é a menor parte capaz de identificar um elemento químico. É composto de um núcleo de nêutrons não carregados e de prótons positivamente carregados, rodeados por uma nuvem de elétrons negativamente carregados. Em átomos sem carga, o número de prótons e elétrons é igual, o que representa o número atômico do elemento.

Conclusão

Agora, você já sabe responder à pergunta: o que é radiação? 

Podemos entender também que a radiação é proveniente das partículas de alta velocidade (radiação de partículas) ou ondas (radiação eletromagnética). 

Para responder à pergunta principal deste artigo foi preciso recorrer a paradigmas científicos atuais, que ajudam a dissolver mitos e entender o que de fato é radiação. 

Cadastre-se na nossa newsletter para ter acesso a mais conteúdos como esse.